Saúde

Rosto avermelhado pode ser rosácea

A vermelhidão facial e as telangiectasias são usualmente os primeiros sintomas a aparecer e podem ser os únicos durante anos. O motivo pelo qual a rosácea provoca estas alterações ainda não está totalmente claro.

O que provoca o rosto avermelhado?

A vermelhidão facial pode ocorrer sem aviso ou em resposta a alguns fatores desencadeantes. Os mais comumente relacionados com o surgimento do sintoma são:

  • Exposição solar
  • Estresse emocional
  • Temperaturas elevadas
  • Ingestão de alcool
  • Alimentos apimentados
  • Exercícios físicos
  • Vento em excesso
  • Banhos quentes
  • Frio intenso
  • Bebidas quentes
  • Cosméticos

Tratamento

O tratamento mais eficaz é evitar os fatores desencadeantes. Antibióticos orais e tópicos não mostraram resultados efetivos para o tratamento da vermelhidão facial, apesar de serem de grande ajuda para pacientes com lesões semelhantes às da acne.

Algumas medicações para controle da pressão arterial podem ajudar a reduzir a ocorrência da vermelhidão mas só devem ser usadas considerando-se o risco benefício dos possíveis efeitos colaterais.

Um gel contendo a substância tartarato de brimonidina foi lançado em 2015 no Brasil para o tratamento de quem tem o rosto avermelhado. O produto é aplicado na face e provoca uma constrição dos vasos, diminuindo o volume sanguíneo circulante na pele e, consequentemente, reduzindo a vermelhidão facial. A ação do medicamento dura por até 12 horas. No entanto, algumas pessoas podem apresentar efeito contrário ao desejado, piorando a vermelhidão, além de outros efeitos colaterais como coceira e queimação na pele.

A aplicação da luz intensa pulsada pode ser eficaz para o tratamento das pessoas que apresentam o rosto avermelhado devido à rosácea. A energia da luz pulsada é atraída pelo pigmento da hemoglobina presente nas células sanguíneas que estão dentro dos pequenos vasos promovendo a sua destruição pelo calor. Em geral, são necessárias algumas sessões para se obter um melhor resultado. Veja mais informações sobre tratamento de lesões vasculares.

A escolha do tratamento ideal deve ser determinada pelo médico dermatologista de acordo com cada caso.

 

Fonte: http://www.dermatologia.net

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s